sábado, 30 de abril de 2011

Casamento real - Principe William e Kate

Postado por Amanda Micheleto 0 comentários

  


   Hoje dia 28.04.2011 o mundo inteiro parou , para ver o casamento do príncipe William e agora duquesa Kate , milhões de mulheres e adolescentes até as meninas repararam no vestido dela que eu posso falar lindo (eu acho o simples bonito e tenho um desenho super parecido ha!)ela vestia Alexander McQueen Ele com a farda de farda vermelha de coronel da Guarda Irlandesa.
O momento mais esperado de alguns o beijo dos noivo agora duque e duquesa, foram 3 selinhos decepcionou que esperava um beijo de cinema, mas cai entre nós o selinho foi tão fofo .
Felicidades para os noivos ! 

Quem assistiu a cerimônia, que nem eu percebeu as olhadas dos dois eles parecem tão apaixonados e formam um casal lindo, concorda?

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Filmes Dança

Postado por Amanda Micheleto 0 comentários
Save The Last Da






    Bom primeiro o que a dança não faz, levanta o animo de qualquer pessoa, mesmo que seja uma simples valsa bem lenta até um ritmo mais quente como tango. A dança quando criada, passada, inventada, inspirada no que sentimos se torna a mais bela expressão (claro que ainda tem teatro, canto etc) , porem é o meu modo de expressão favorito (também sou fã de qualquer instrumento clássico). Independente do estilo, seja tango, can can, valsa, lambada, sapateado, jazz, ballet, dança contemporânea, pole dancing etc. Cada um se indentifica com um estilo diferente por fazer parte da sua personalidade.
   Agora parando de enrolar, tem coisa mais legal que filmes, igual a dança tem do terror ao romance . E os filmes de dança para os apaixonados por ela . E eu como (ja me falaram que passou de hobby entrou em vicio) apaixonada por ela separei os que eu considero mais divertidos, interessantes e inspiradores para sair da sala dançando.


1º   Step Up (Ela dança, Eu danço) - 2006
    Tyler é um rebelde do lado pobre de Baltimore. Nora é uma dançarina privilegiada da escola de arte da elite. Seus mundos não poderiam ser mais diferentes. Mas quando os destinos se cruzam, fagulhas voam para todos os lados, dando início a um romance embalado pelo melhor do hip-hop e um conto de fadas sobre como uma única oportunidade pode fazer um sonho virar realidade. Um filme que vai conquistar seu coração.


2º Take the Lead (Vem Dançar) - 2006

Pierre Dulaine (Antonio Banderas) é um dançarino de salão profissional, que se torna voluntário para dar aulas de dança em uma escola pública de Nova York. Pierre tenta apresentar seus métodos clássicos, mas logo enfrenta resistência dos alunos, mais interessados em hip hop. É quando deste confronto nasce um novo estilo de dança, mesclando os dois lados e tendo Pirre como mentor.


Shall We Dance? (Dança comigo? ) - 2004
Há vários anos o advogado John Clark (Richard Gere), especialista em testamentos, leva uma vida rotineira do trabalho para casa e de casa para o trabalho. Apesar de amar sua mulher, Beverly (Susan Sarandon), e seus filhos, John sente que algo está faltando algo em sua vida. Por acaso vê na janela de uma academia Paulina (Jennifer Lopez), uma bela professora de dança. Esperando se aproximar dela, John se matricula na academia. No entanto Paulina rapidamente elimina qualquer possibilidade de envolvimento com John, mas isto não o faz deixar de ir à academia, pois ele acha cada vez mais relaxante e divertido dançar. Entretanto John não se sente à vontade para contar para Beverly, que ao ver mudanças no comportamento do marido contrata um detetive, pois suspeita que ele esteja envolvido com alguém.
Save The Last Dance (No balanço do Amor) - 2001
Sarah Johnson (Julia Stiles) é uma jovem de 17 anos que sonha em ser bailarina. Quando sua mãe morre num trágico acidente de carro ela vê seus planos irem por água a baixo. Ela vai morar com seu pai em Chicago, as diferenças entre ela e o pai, a falta que sente de sua mãe e a culpa que sente pelo acidente fazem com que Sarah desista de seu sonho. Intimidada por todos esses sentimentos ela busca refúgio nos clubes locais e conhece Sean (Derek Reynolds) que compartilha o mesmo amor pela dança que ela. Juntos, os dois tentam renovar suas forças para seguir em frente.

Espero que vocês gostem esses são os meus favoritos que eu nunca canso de assistir , porem ainda tem filme nessa lista como :
  • Embalos de sábado a noite 
  • Como ela dança
  • No ritmo da dança
  • O poder do Ritmo
  • No balanço do amor 2
  • Entre nessa dança
  • Dirty Dancing - Ritmo quente
  • Dirty Dancing - Noites de Havana
  • Lambada - O filme
  • A ultima Dança 
  • Vem dançar
  • A cor do perdão 
Espero que vocês aproveitem a dica ;D


domingo, 10 de abril de 2011

Risqué - Coleção Cine

Postado por Amanda Micheleto
A nova coleção da risqué para o inverno 2011, com parceria do Reinaldo Lourenço, foi lançada dia 29 de março numa terça-feira. A coleção tem inspiração da moda em 1930, quando o cinema foi mercante .Risque
Segundo Reinaldo Lourenço, "Cine Risqué resgata o glamour e a elegância nas unhas, com cores sofisticadas e clássicas, ideais para o inverno".


Os tons são: 
Cenário Perfeito -azul fechado
 Beijo no Escurinho - cinza metalizado
 Anos Dourados - amarelo mais fechado
 Pipoca Doce - vermelho aberto
 Nunca Fui Santa - entre vermelho e laranja
 Bonequinha de Luxo - nude com toque rosado
 Felizes Para Sempre - dourado metalizado
 Dia Das Estrelas - bronze
 Cobertura Fosca (passado em cima de qualquer esmalte, deixa a unha com acabamento fosco)

domingo, 3 de abril de 2011

Espelho, Espelho meu - Colorama

Postado por Amanda Micheleto


     A nova coleção outono inverno da Coloroma se chama "Espelho, Espelho meu" , com cores mais frias.
     São 8 cores.
POÇÃO MÁGICA - um preto 3D, Colorama inovando.
PLANO PERFEITO - chumbo acizentado.
BEIJO ROUBADO - rosa quase vermelho metalizado.
ETERNO - beringela fechado.
DESFECHO -roxo com reflexos meio prateados indo para o chumbo.
HIPNOSE - cinza metalizado.
CONTO DE FADAS - nude rosado , eu acho que ele é metalizado
DOCE LOUCURA - rosa bem clarinho.


Fonte:Julia petit

 

Garota Metida Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos